Histórico

Origem

Destacadamente uma das entidades sindicais de maior militância política no Estado da Paraíba, a Associação dos Docentes da Universidade Federal de Campina Grande, ADUFCG, foi criada em outubro de 1978 com a designação de ADUFPB/CG. A entidade surgiu como o resultado da mobilização e organização política dos docentes que iniciavam, naquela época, uma frente de luta em defesa do Ensino Público Superior Federal. Trata-se de uma instância organizativa e deliberativa territorial do ANDES-SN, possuindo regimento próprio aprovado pela Assembleia Geral dos Docentes a ela vinculados.

Histórico

A exemplo da maioria dos movimentos sindicais brasileiros, a ADUFCG foi fruto de deliberações de reuniões e fóruns realizados pelos docentes, que aos poucos foram ganhando força até se consolidar enquanto associação. O fato se deu na noite de 03 de outubro de 1978, por meio de uma efervescente discussão seguida de votação em que foram referendadas decisões de reuniões já realizadas pela categoria. O encontro culminou na criação do Estatuto de Associação restrita aos docentes da UFPB de Campina Grande, conforme registro da primeira ata da entidade.

Nascia a partir daquele momento, um dos movimentos sindicais docentes federais mais fortes do país com uma ampla trajetória de luta pela frente. Gerada no contexto do conturbado e conflitante regime ditatorial brasileiro, a entidade logo se engajou nas frentes populares de luta pela democratização da nação. Para além dos direitos e reivindicações da categoria, a ADUFPB/CG passou a contribuir no processo de orientação política no combate contra a estrutura política vigente.

Filiação à ANDES

Também não demorou muito para que a Associação Docente da UFPB de Campina Grande se filiasse ao Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições do Ensino Superior, ANDES-SN, engajando-se, particularmente, ao Comando Nacional de Greve. Ao se tornar seção sindical, a ADUFPB/CG ganhou força, passando a encabeçar os atos de mobilização da categoria em todos os movimentos grevistas nacionais pelas melhorias do Ensino Superior Federal.

Na qualidade de Seção Sindical e comprometida em âmbito nacional com as causas da categoria, a ADUFPB/CG passa a se engajar de forma ainda mais veemente nas lutas por melhorias salariais e condições de trabalho, participando efetivamente do Comando Nacional de Greve da ANDES-SN. Uma luta, inicialmente repleta de dificuldade devido a vários aspectos, sobretudo, a falta de recursos financeiros próprios. Para tanto, os docentes se mobilizavam em torno da realização de uma série de ações para levantar fundos, a exemplo de feiras e brechós.

As assembleias

Um dos registros históricos marcantes do trajeto da Associação nos movimentos de greve ao longo dos anos 1980, 1990 e 2000, são as assembleias docentes. Termômetro principal do engajamento dos docentes nas bandeiras de luta políticas, as assembleias ganharam corpo e força a partir da mobilização em torno da primeira grande greve dos anos 1980. Ainda sem sede própria e sem recursos financeiros, os docentes se reuniam em diversos lugares do Câmpus I (Campina Grande) a céu aberto para discutir o engajamento no movimento nacional, mobilizando as forças sindicais e populares locais.

Dentro deste contexto o Câmpus I se tornou palco de assembleias históricas da instituição marcadas por discussões, por vezes, homéricas entre os docentes. Momento esse que ficou bem caracterizado nas primeiras grandes greves dos anos 1990, período esse marcado pelo clima de protestos que tomavam conta do país e que envolviam as diversas categorias de trabalhadores brasileiros.

A criação da ADUFCG

Ainda denominada de ADUFPB/CG, foi só em 2002 que a entidade passou a se denominar ADUFCG. A alteração veio com a mudança do regimento interno e a aprovação da nova estatuinte. Com a separação entre as universidades e a criação oficial da UFCG, a entidade passou a se denominar de Associação dos Docentes da Universidade Federal de Campina Grande, ADUFCG.

Aquisição das sedes

Outro momento marcante na história da entidade sindical diz respeito à conquista dos espaços próprios, as sedes, visando uma melhor articulação do movimento e de sua estruturação física e administrativa. Instituídas de forma ainda precárias, as primeiras sedes funcionaram fora da universidade. No início dos anos 1990, a entidade migrou para dentro do Campus I, funcionando onde hoje é o prédio do curso de Engenharia de Produção.

Não obstante, foi só em 1994 que a entidade inaugurou a sede onde funciona até os dias de hoje. Fruto dos recursos financeiros advindos da contribuição sindical instituída legalmente e arrecadados dos sócios sindicalizados, a sede foi construída na área do Centro de Humanidades e representou uma das maiores conquistas da entidade sindical. É lá onde são realizadas as assembleias da categoria e alguns dos eventos de lazer dos associados. Outra importante aquisição foi a sede social, localizada no bairro dos Cuités, onde os associados se reúnem para os eventos sociais promovidos pela entidade em clima de festa e confraternização.

Diretorias

Ao todo, a entidade sindical teve 30 diretorias. Formadas e presididas por docentes engajados politicamente com a luta sindical voltada à uma política de melhoria da educação superior federal, cada uma das diretorias contribuiu para a consolidação da entidade que atualmente é uma das seções sindicais mais atuantes da ANDES-SN.

*Texto base elaborado pelo professor Rosildo Brito – Unidade Acadêmica de Arte e Mídia.

ADUFCG: AUTÔNOMA, DEMOCRÁTICA E DE LUTA 2013/2015

Diretor Presidente: José Irelânio Leite de Ataíde

Diretor Secretário: Luciano Mendonça de Lima

Diretora Tesoureira: Antônio Berto Machado

Diretora Social: Jânio Luduvic Alves de Medeiros

Diretora Cultural: Sinedei de Moura Pereira

Diretoria para Assuntos de Aposentados: José Bezerra de Araújo

1º Suplente: Tiago Iawasawa

2º Suplente: Elisângela da Silva Porto

Secretário Adjunto Pombal: Roberto de Sousa Miranda

Secretário Adjunto Sumé: Sônia Maria de Lira Ferreira

ADUFCG – AUTÔNOMA E DEMOCRÁTICA 2011/2013

Diretor Presidente: Gonzalo Adrian Rojas

Diretor Secretário: Antônio Lisboa

Diretor Tesoureiro: Lucianna Gama

Diretor Social: Danielle Andrade Souza

Diretor Cultural: Elvia Lane Araújo

Diretor para Assuntos dos Aposentados: André Antunes Martins

Secretário Adjunto Pombal: Roberto Miranda

Secretário Adjunto Sumé: José Irelânio Leite de Ataíde

1º Suplente: Washington Farias

2º Suplente: Ângelo Giuseppe Xavier Lima

ADUFCG – AUTÔNOMA E DEMOCRÁTICA 2009/2011

Diretor Presidente: Amauri Fragoso de Medeiros

Diretor Secretário: Gonzalo Adrian Rojas

Diretor Tesoureiro: Manoel Cordeiro de Barros

Diretor Social: Antonio Berto Machado

Diretor Cultural: Lauro Pires Xavier Neto

Diretor para Assuntos dos Aposentados: Lucianna da Gama Fernandes Vieira

1º Suplente: Luciano Mendonça de Lima

2º Suplente: Jânio Luduvic Alves de Medeiros

ADUFCG AUTÔNOMA E DEMOCRÁTICA 2007/2009

Diretor Presidente: Josevaldo Pessoa da Cunha

Diretora Secretária: José Benjamim

Diretor Tesoureiro: Manoel Cordeiro de Barros

Diretor Social: Jânio Luduvic Alves

Diretor Cultural: Fernando Torres Barbosa

Diretor de Assuntos dos Aposentados: Antonio Berto Machado

1º Suplente: Amauri Fragoso de Medeiros

2º Suplente: Marcelo Grilo

UNIDADE, IDENTIDADE E AUTONOMIA 2006/2007

Diretora Presidente: Sandra Sueli C. Bezerra

Diretora Secretária: Marinalva Vilar de Lima

Diretor Tesoureiro: Carlos Fernandes Medeiros

Diretor Social: Manasses da Costa Agra

Diretor Cultural: Benedito Antonio Luciano

Diretor de Assuntos dos Aposentados: Marcos A.Barbosa de Melo

1º Suplente: Déborah Rose Galvão

2º Suplente: Maria Aldano de França

ADUFCG: UNIVERSIDADE VIVA, AUTÔNOMA E DEMOCRÁTICA 2004/2005

Diretor Presidente: Amauri Fragoso de Medeiros

iretor Secretário: Raimundo Nonato C. Duarte

Diretor Tesoureiro: Antônio Berto Machado

Diretora Social: Sandra Sueli C. Bezerra

Diretor Cultural: Whashington Silva da Farias

iretor de Aposentadoria: Marcos A.Barbosa de Melo

1º Suplente: Erinaldo Clemente dos Santos

2º Suplente: Francisco da Paz Siqueira

ADUFCG AUTÔNOMA, ÉTICA E DEMOCRÁTICA 2003/2004

Diretora Presidente: Rosilene Dias Montenegro

Diretor Secretário: Amauri Fragoso de Medeiros

Diretor Tesoureiro: Carlos Fernandes M. de Filho

Diretor Social: Antônio Berto Machado

Diretor Cultural: Fernando José Torres Barbosa

1º Suplente: Raimundo Carlos S. Freire

2º Suplente: Jader Moraes Borges

3º Suplente: Maria Aldano de F. Fernandes

COMPROMISSO E AUTONOMIA SINDICAL 2002/2003

Diretora Presidente: Rosilene Dias Montenegro

Diretor Secretário: Carlos Fernandes M. de Filho

Diretor Tesoureiro: Janio Ludovic Alves

Diretor Social: José Duarte Rocha

Diretor Cultural: Benedito A. Luciano

1º Suplente: Eleny Gianini

2º Suplente: Maria Aldano de F. Fernandes

3º Suplente: Romulo R. Maranhão do Valle

INTERAÇÃO DOCENTE 2001/2002

Diretor Presidente: Hermano Nepomuceno Araújo

Diretor Secretário: Maurino Medeiros de Santana

Diretor Tesoureiro: Carlos Antonio S. de Andrade

Diretor Social: Roberto da Silva Siqueira

Diretor Cultural: José Wallace B. Santos

1º Suplente: Maria Tereza Nascimento

2º Suplente: Romildo Pereira Brito

3º Suplente: Erinaldo Clemente dos Santos

AUTONOMIA E RENOVAÇÃO 2000/2001

Diretor Presidente: Jader Moraes Borges

Diretor Secretário: Josevaldo Pessoa da Cunha

Diretor Tesoureiro: Homero Gustavo C. Rodrigues

Diretor Social: Rogério H. Zeferino Nascimento

Diretor Cultural: Luciano Mendonça de Lima

1º Suplente: Rosilene Dias Montenegro

2º Suplente: José Edilson Amorim

3º Suplente: Manasses da Costa Agra Mello

PENSE EM VOCÊ, PENSE NO SINDICATO 1999/2000

Diretor Presidente: José Edilson Amorim

Diretora Secretária: Rosilene Dias Montenegro

Diretor Tesoureiro: Homero Gustavo C. Rodrigues

Diretor Social: José Duarte Rocha

Diretor Cultural: José Benjamim Montenegro

1º Suplente: Gelmires de Araújo Neves

2º Suplente: Rogério H. Zeferino Nascimento

3º Suplente: Paulo de Tarso L. G. de Medeiros

CONSOLIDAÇÃO – 1998/1999

Diretor Presidente: Sebastian Sanchez Martin

Diretor Secretário: Josevaldo Pessoa da Cunha

Diretor Tesoureiro: Antonio Glaucio S. de Gomes

Diretor Social: Edjânio Barbosa de Araújo

Diretor Cultural: José Benjamim Montenegro

1º Suplente: Marcos Barbosa Caldas

º Suplente: Antonio Pralon Ferreira Leite

3º Suplente: Francisco de Assis N. Costa

RETOMANDO AS LUTAS – 1997/1998

Diretor Presidente: Sebastian Sanchez Martin

Diretora Secretária: Rosângela Maria Souza Silva

Diretor Tesoureiro: Antonio Glaucio de S. Gomes

Diretor Social: Lívio José da Silva

Diretor Cultural: Cauby Dantas

1º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha.

2º Suplente: Vilza Maria Batista

3º Suplente: Paulo de Tarso L. G. de Medeiros

EM DEFESA DOS INTERESSES DOS PROFESSORES 1996/1997

Diretor Presidente: Wagner Braga Batista

Diretor Secretário: Aluisio Franco Moreira

Diretor Tesoureiro: José de Anchieta F. Lopes

Diretor Social: Marcos Aurélio Soares Souto

Diretor Cultural: Maurino Medeiros de Santana

1º Suplente: Carmem Verônica

2º Suplente: Hélio Baretta

3º Suplente: Theophilo Moura Maciel

EM DEFESA DOS INTERESSES DOS PROFESSORES 1995/1996

Diretor Presidente: Wagner Braga Batista

Diretor Secretário: Carlos Antônio S. de Andrade

Diretor Tesoureiro: José de Anchieta F. Lopes

Diretor Social: Agostinho Nunes da C. Lira

Diretora Cultural: Ângela Maria Metri Tejo

1º Suplente: Maurino M. de Santana

2º Suplente: Nirelda Moura Ponce de Leon

3º Suplente: Hélio Luiz B. Dal Monte

PARTICIPAÇÃO 1994/1995

Diretora Presidenta: Maria do Socorro Pereira

Diretor Secretário: Eduardo Henrique L. Guimarães

Diretor Tesoureiro: Jânio Ludovic Alves

Diretora Social: Cleópatra de M. Cabral

Diretor Cultural: Francisco Ferreira de Sousa

1º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha.

2º Suplente: Sebastian Geriz Sobrinho

3º Suplente: Carlos Fernandes de M. Filho

INTERAÇÃO 1992/1993

Diretora Presidenta: Melânia Mendonça Rodrigues

Diretora Secretária: Maria do Socorro Pereira

Diretora Tesoureira: Vilza Maria Batista

Diretor Social: Jânio Ludovic Alves

Diretor Cultural: José Duarte Rocha

1º Suplente: Ivony Lídia Monteiro Saraiva

2º Suplente: João Tertuliano Agra

3º Suplente: João Batista Baumgartner

AÇÃO UNITÁRIA 1991/1992

Diretora Presidenta: Fernanda Santos

Diretora Secretária: Melânia Mendonça Rodrigues

Diretora Tesoureira: Vilza Maria Batista

Diretor Social: José Luiz Ferreira

Diretor Cultural: José Edilson Amorim

1º Suplente: João Batista Baumgartner

2º Suplente: Ana Virginia Rocha de Almeida Magalhães

3º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha.

CONTINUAMOS DE MÃOS DADAS 1990/1991

Diretor Presidente: Wagner Braga Batista

Diretora Secretária: Fernanda Santos

Diretora Tesoureiro: Maria da Guia Santos Gareis

Diretor Social Esportivo: Jefferson S. Nascimento

Diretor Científico Cultural: Fábio Gutemberg R. G. de Souza

1º Suplente: Almir Montenegro Belo

2º Suplente: Maria Teresa Nascimento Silva

3º Suplente: Erinaldo Antônio D. Guimarães.

MÃOS DADAS 1989/1990

Diretor Presidente: Erinaldo Antônio D. Guimarães

Diretora Secretária: Maria da Guia Santos Gareis

Diretor Tesoureiro: Luiz Gonzaga Souza

Diretor Social Esportivo: Francisco de Assis Bandeira

Diretor Científico Cultural: Iolanda Casagrande

1º Suplente: Wagner Braga Batista

2º Suplente: Edmilson Lúcio de Sousa Júnior

3º Suplente: Rosalina Rosas Wanderly

AÇÃO UNITÁRIA 1988/1989

Diretor Presidente: Adeildo Rosa Lima Júnior

Diretor Secretário: Carlos Antonio S. de Andrade

Diretor Tesoureiro: Aderbal da Costa Vilar Filho

Diretor Social Esportivo: Joarez F. de Oliveira

Diretor Científico Cultural: Márcio Caniello

1º Suplente: Gervácio Batista Aranha

2º Suplente: José Cornélio da Silva

3º Suplente: Fernanda Cecilia C. L. Loureiro

MOBILIZAÇÃO E DEFESA DA UNIVERSIDADE 1987/1988

Diretor Presidente: Waldomiro Cavalcanti da Silva

Diretora Secretária: Maria de Fátima Marreiro

Diretora Tesoureira: Ângela Aparecida S. Ruberg

Diretor Social Esportivo: Emir Candeia Gurjão

Diretor Científico Cultural: Adeildo Rosa Lima Júnior

1º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha

2º Suplente: Francisco de Assis Ferreira Tejo

3º Suplente: Jomário da Fonseca Lins

EM DEFESA DA UNIVERSIDADE 1986/1987

Diretor Presidente: Carlos Antonio S. de Andrade

Diretor Secretário: Mário de Souza Araújo Filho

Diretor Tesoureiro: Francisco Q. dos Santos Colares

Diretor Social Esportivo: Givaldo Hipólito Dantas

Diretor Científico Cultural: Roberto Silva de Siqueira

1º Suplente: Waldomiro Cavalcanti da Silva

2º Suplente: Newton Moreira de Souza

3º Suplente: Michel Zaidan Filho

DEBATE E CRÍTICA 1985/1986

Diretora Presidente: Clemilda Maria O. de Souza

Diretor Secretário: Givaldo Hipólito Dantas

Diretor Tesoureiro: José da Silva Quirino

Diretor Social Esportivo: Almir Montenegro Belo

Diretor Científico Cultural: Ronaldo Romero Lira

1º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha

2º Suplente: Francisco de Assis Ferreira Tejo

3º Suplente: José Elias da Cunha Metri

MOBILIZAÇÃO 1984/1985

Diretor Presidente: João Silveira Cabral

Diretora Secretária: Moema Soares de Castro

Diretor Tesoureiro: Carlos Allan Perez da Silva

Diretor Social Esportivo: Sebastian Sanchez Martin

Diretor Científico Cultural: Ronaldo Romero Lira

1º Suplente: Josevaldo Pessoa da Cunha

2º Suplente: Francisco de Assis Ferreira Tejo

3º Suplente: José Elias da Cunha Metri

COMPROMISSO 1983/1984

Diretor Presidente: Wagner Braga Batista

Diretor Secretário: Michel Zaidan Filho

Diretor Tesoureiro: Raimundo Nonato Santos

Diretor Social Esportivo: José Benício da Silva

Diretor Científico Cultural: Rosália Gouveia Filizolla

1º Suplente: Manassés da Costa Agra Mello

2º Suplente: Fernando José Torres Barbosa

3º Suplente: Pedro Araújo de Lima

AJUNTAR 1982/1983

Diretor Presidente: Wagner Braga Batista

Diretora Secretária: Melânia Mendonça Rodrigues

Diretor Tesoureiro: Hiran de Melo

Diretor Social Esportivo: Cirilo Cordeiro dos Anjos Filho

Diretor Científico Cultural: João Tertuliano A. Nepomuceno

1º Suplente: Michel Zaidan Filho

2º Suplente: José Carlos Ramos Tejo

3º Suplente: Pedro Araújo de Lima

EM DEFESA DOS DIREITOS DOS PROFESSORES 1981/1982

Diretora Presidente: Noêmia Leitão Madureira

Diretor Secretário: Hermano Nepomuceno Araújo

Diretora Tesoureira: Melânia Pereira de Farias

Diretor Social Esportivo: Luiz Carlos Viana Teixeira

Diretor Científico Cultural: Josemir Camilo de Melo

1º Suplente: Edgar Afonso Malagodi

2º Suplente: Mário de Sousa Araújo Filho

3º Suplente: Maria Verônica de M. Batista

UNIÃO DOS PROFESSORES 1980/1981

Diretora Presidente: Moema Soares de Castro

Diretor Secretário: Wagner Braga Batista

Diretor Tesoureiro: Aderbal da Costa V. Filho

Diretor Social Esportivo: Antônio Luiz Cabral

Diretor Científico Cultural: José Elias da C. Metri

1º Suplente: Wandrielle de Souza

2º Suplente: Rosa Tânia Menezes Vaz

3º Suplente: Roberto Silva de Siqueira

UNIDADE 1979

Diretor Executivo: Rômulo R. Maranhão do Valle

Diretor Secretário: José Bolivar V. da Rocha

Diretor Tesoureiro: Mariano Matos Macedo

Diretor Social Esportivo: Marcos A. Firmino Batista

Diretor Científico Cultural: Evandro Conforti

1º Suplente: Francisco Alves

2º Suplente: Romero Azevedo

3º Suplente: Raimundo Leidimar Bezerra.

DIRETORIA PROVISÓRIA 1978

Diretor Presidente: Antônio Brito

Diretor Secretário: Marcelo Agra

Diretor Tesoureiro: Iedo Leite Fontes

Diretor Social Esportivo: Hermano Nepomuceno

Diretor Científico Cultural: Edielson Santos

1º Suplente: João Tertuliano Agra

2º Suplente: Noêmia Leão Madureira

3º Suplente: José Roberto Novais